Franquias para cidades pequenas

Se você mora em cidades menores e quer ter seu próprio negócio, saiba que há franquias para cidades pequenas que podem ser uma ótima opção por já ter um modelo de negócios pronto e precisar apenas de uma boa administração para ganhar dinheiro.

A ideia de criar unidades menores surgiu com algumas franquias que quiseram ampliar o seu negócio para regiões mais pequenas e depois ganhou força quando outras empresas viram que o sucesso pode ser grande.

Esta é uma ótima oportunidade para você, que mora em uma cidade pequena e está em busca de um empreendimento em que possa investir. Veja algumas ideias:

1 – Easycomp Plus

Oferece cursos de informática e profissionalizantes e oferece uma franquia para cidades pequenas de até 30 mil habitantes. O valor de investimento inicial é de R$47 mil, já com capital de giro, taxa de instalação e franquia. O faturamento varia de R$ 25 mil a R$ 52 mil (bruto) mensalmente.

2 – Influx

É uma escola de idiomas para cidades de até 150 mil habitantes com investimento inicial, que inclui taxa de franquia, capital de giro e taxa de instalação, de R$ 107 mil. O faturamento mensal é de R$ 60 mil (bruto).

3 – Ortodontic Center

É profissional ou se interessa pela área odontológica? Esta é uma clínica odontológica para cidades com até 100 mil habitantes com investimento inicial de R$ 60 mil (com taxa de franquia, adequação do espaço e capital de giro) e faturamento mensal bruto de R$ 50 mil.

4 – Instituto Embelleze

Escola de cursos profissionalizantes na área de beleza e com modelo para cidades de até  100 mil habitantes. O investimento inicial é a partir de R$ 107,8 mil, já contando com as taxas de instalação, capital de giro e  franquia). A estimativa de faturamento mensal bruto pode variar de R$ 35 mil a R$ 75 mil.

5 – Microlins

Também na área de cursos profissionalizantes, pode ser para municípios com até 50 mil habitantes e apresenta faturamento mensal bruto de R$ 30 mil com um investimento de R$ 49 mil com taxas de capital de giro, instalação e franquia.

6 – Eurodata

Oferece cursos profissionalizantes com opção de microfranquia em cidades de até 100 mil habitantes. O valor do investimento é de R$ 70 mil (com taxas de franquia e instalação e capital de giro) com faturamento médio mensal de R$25 mil (bruto).

7 – Instituto da Construção

Franquia que oferece cursos profissionalizantes na área de construção civil, aproveitando a grande expansão deste setor. Pode ser utilizada em cidades com até 100 mil habitantes e o faturamento bruto chega a R$ 60 mil mensais. O investimento inicial é de R$ 49,9 mil , incluindo gastos com capital de giro, taxa de franquia e taxa de instalação.

8 – Os Muzzarellas

Quem quer focar na área de alimentação, esta franquia trabalha com pizzas quadradas. É voltada para municípios de até 150 mil habitantes com investimento inicial de R$ 170 mil, incluindo capital de giro, instalação e taxa de franquia e faturamento mensal bruto de R$ 80 mil.

9 – Park Idiomas

Para aproveitar o desenvolvimento das escolas de idiomas, esta é uma franquia para locais  com menos de 50 mil habitantes e apresenta faturamento mensal bruto de R$ 60 mil com investimento de R$ 90 mil para capital de giro, taxa de franquia e instalação.

10 – FastFrame

Empresa de molduras e porta-retratos com investimento inicial de  R$ 140 mil com capital de giro, taxa de franquia e de instalação. Faturamento mensal de R$ 35 mil (bruto).

11 – Pastelândia

Gosta de pastéis e salgados? Em locais com menos de 100 mil habitantes existe a possibilidade de investir R$ 99 mil com instalação, capital de giro e taxa de franquia e faturamento mensal bruto de R$ 40 mil.

12 – Morana

Se gosta de acessórios femininos e mora em uma cidade com 50 mil a 200 mil habitantes, pode investir nesta franquia com R$ 110 mil para cobrir taxa de franquia e instalação e também capital de giro. O faturamento bruto médio é de R$ 30 mil.

Gostou de alguma sugestão? Se não, não fique preocupado, pois estes são apenas alguns modelos de franquias para cidades pequenas, mas você pode pesquisar e ver que há diversas opções para abrir o seu negócio.

Lembre-se que o mais importante antes de ter o seu negócio é analisar a viabilidade do mesmo, pois as franquias para cidades pequenas oferecem tanto risco como para as cidades grandes. Outros fatores também são importantes para a escolha do negócio certo para você!

Por Jeniffer Elaina

As estratégias das franquias que mais crescem

Todos os anos, empresas crescem mais ou menos e existem sempre aquelas que se destacam mais que as outras. Isso porque algumas conseguem obter muito mais sucesso do que outras usando as estratégias adequadas. Conheça as estratégias das franquias que mais crescem e inspire-se nestes modelos.

1. Franquia Doutor Resolve

Uma franquia especializada em reformas e reparos está entre as de maior crescimento no Brasil. Com um faturamento de R$200 milhões em 2011, sua maior expansão foi nas regiões sudeste e nordeste.

Para chegar onde está, investiu mais de R$2 milhões em publicidade e merchandising em programas de TV para deixar a marca conhecida por todos. Além disso, abriu dez escolas para profissionalizar pedreiros, encanadores, gesseiros e outros prestadores de serviço.

Sua trajetória começa com a frustração de seu fundador, David Pinto, de apenas 27 anos, que foi deixado na mão pelos pedreiros que estavam reformando seu apartamento. No primeiro ano já foram 40 franqueados e a meta é abrir mais 348 em 2012.

2. O Boticário

Não é nenhuma novidade que esta marca esteja entre as franquias que mais mais crescem no país. Em 2011, o faturamento chegou a R$5,5 bilhões.

A melhor estratégia utilizada pela rede são as pesquisas de mercado que estudam locais mais propícios para a instalação de novas lojas. Assim, onde existe público disposto a comprar os perfumes, sempre haverá uma loja para disponibilizá-los.

Além disso, a rede aumentou o mix de produtos e começou a produzir muito mais para vender ainda mais.

Fundada em 1977, a rede O Boticário já possui mais de 3.260 lojas franqueadas espalhadas pelo país.

3. Água de Cheiro

Ainda no ramo de perfumes, a Água de Cheiro faturou R$375 milhões em 2011 e já possui cerca de 882 unidades franqueadas desde sua inauguração, em 1976.

Como estratégia, renovou o layout das lojas, aumentou o mix de produtos e deu preferência para empreendedores mais jovens, que entendem mais o espírito da empresa. Mas não parou por aí e investiu R$30 milhões em mídia com contratação de celebridades como Luan Santana e Sabrina Sato.

4. Subway

Buscando atingir um público mais jovem ou quem está em busca de uma alimentação mais natural e saudável, a Subway existe desde 1966, mas chegou ao Brasil recentemente, somente em 1998.

Hoje a rede conta com 1.050 unidades e a estratégia utilizada para promover o crescimento da  rede foi transformar 12 franqueados em agentes de desenvolvimento por região para que possam selecionar e treinar melhor os novos franqueados.

Outra carta na manga foi a busca de fornecedores que entregam alimentos frescos em até 48 horas, facilitando a logística e aumentando a qualidade e preços.

5. AM PM

Buscando atingir mais ao público dos postos Ipiranga, a AM PM tomou conta de diversos postos de combustíveis. Ela conseguiu renegociar os suprimentos de maneira que os franqueados consigam obter maior lucro sobre as vendas e de forma que não falte nenhum produto em suas lojas.

A rede assumiu toda a produção de fast-food, que antes era terceirizada, e conseguiu padronizar e deixar as lojas sempre abastecidas.

O faturamento de 2011 foi de R$865 milhões e hoje já possui 1.203 unidades.

6. Cacau Show

Aproveitando a paixão dos brasileiros por chocolate, em 1988, surgiu a Cacau Show, que hoje já possui mais de 1.225 unidades e faturou R$454 milhões em 2011.

Ela usou como estratégia o aumento de divulgações nas regiões onde menos vende, que é Norte e Nordeste e criou campanhas específicas para este público.

Novos cinco consultores também ajudam a estudar potenciais áreas comerciais onde a franquia pode se instalar.

É em São Paulo que está 40% de suas lojas, explicando porque o sudeste foi uma das regiões que mais cresceu, junto com o sul. Agora a ideia é buscar franqueados nas regiões onde a marca não ganhou tanto espaço ainda.

Estas são apenas algumas empresas que fazem sucesso no ramo de franquias e como estas, outras franquias e até outras empresas também crescem todos os anos.

A ideia deste artigo é mostrar justamente que se existe alguém que pode crescer tanto utilizando diferentes estratégias, sua empresa também pode crescer utilizando a melhor estratégia de acordo com o seu mercado e seu capital.

Como visto, seja no mesmo segmento ou em diferentes, cada franquia utiliza sua própria estratégia e consegue seus resultados positivos. A ideia é justamente esta: usar como inspiração as estratégias das franquias que mais crescem para buscar as estratégias próprias para sua empresa crescer.

Por Jeniffer Elaina