Resumo do Clube – abril/2013

Resumo do Clube – abril/2013

Iniciando hoje, o Clube do Dinheiro publicará mensalmente um resumo das atividades e publicações do mês anterior, tanto do nosso blog quanto de outros blogs sobre dinheiro bem como sobre como o panorama econômico brasileiro ou online impacta em nossos pequenos negócios.

Essa é uma proposta audaciosa, já que requer alguma disciplina (de minha parte!) para publicar tais resumos no início de cada mês, mas acho que esta é uma ótima oportunidade para ajudar quem nos acompanha esporadicamente para saber o que rolou por aqui bem como em outros blogs.

E como esta é a primeira vez que estou fazendo isso, peço um pouco de paciência de todos. 🙂 Vamos com calma que estou me acostumando com a ideia e “formatando um padrão” para as publicações, ok? Bem, mas vamos lá, ao resumo do que publicamos aqui no Clube do Dinheiro no mês de abril de 2013!

No Clube do Dinheiro

Para quem se interessa pela prática de Marketing Digital para seus negócios, sejam eles totalmente online, offline ou mistos, publicamos dois artigos interessantes, um sobre Buzz Marketing, estratégia de marketing que emprega eventos e notícias para atrair novos clientes, e outro questionando se article marketing ainda funciona, e no fim das contas concluímos que a efetividade está bem menor e que quem ainda usa estratégias automatizadas devem tomar muito cuidado!

Já para quem está pensando em ter seu próprio negócio, também abordamos aqui alguns assuntos interessantes, por exemplo, Jeniffer apresentou algumas boas ideias para ganhar dinheiro lidando principalmente com os ramos de bens consumíveis (alimentação e bebidas) e lazer/turismo (hotelaria), já eu decidi discutir se realmente há grandes diferenças entre franquias virtuais e programas de afiliados e expus minha opinião a respeito.

Foi um mês de poucas publicações, mas falta comentar dois artigos que publiquei, um partindo mais uma vez da minha experiência com meus pequenos negócios online, no caso o artigo dicas para ganhar uma renda extra sem perder a sanidade, em minha opinião um guia para quem já está quase se perdendo nessa loucura que parece ser ganhar dinheiro na internet (não é mesmo?) e outro que é mais um exercício de reflexão sobre o que fazer com 100 mil reais, isto é, se você tivesse hoje esse dinheiro, seja de uma herança ou fruto de seu suor, o que você pode fazer com ele pensando em ganhar mais e, claro, ter uma vida melhor? Mais uma vez, trata-se de fruto de uma reflexão minha, mas acho que muitos vão concordar com meu ponto de vista.

Em outros blogs sobre dinheiro

Sinceramente? Durante o mês de abril, ao menos nas vezes em que dei uma boa olhada em outros blogs, não gostei muito do que vi… Vi inclusive blogs que até pouco tempo atrás eu praticamente idolatrava pela qualidade do conteúdo estarem publicando somente guest posts, isto é, artigos escritos por convidados (geralmente interessados em conseguirem um link em seu blog).

Olha, se ao menos a qualidade dos artigos fosse boa… Mas um dos artigos publicados esse mês é baseado em dados de um artigo de 2011! Caramba, quero dizer, vou fazer investimentos baseados em estatísticas de 2011??? Eu não sei como admitiram a publicação de tal artigo! Já outro artigo aparentava ser somente um amontoado de números sobre a economia brasileira, sem uma devida explicação do que eles representavam – e a maior parte de seu público não é da área de Economia, bem como o meu público, então não dá para apontar um artigo desses aqui, não é?

Então, desta vez, não indicarei nenhum artigo de outros blogs, mas prometo que vou adicionar mais novos blogs à minha lista de “blogs que sigo” a fim de tentar “escavar o ouro” e publicar aqui para todos. 😉

E no mundo online?

Sinceramente? “Ae danô-se, a vaca foi p’ro brejo!”, quero dizer, sob minha perspectiva, quem possui negócios online está cada vez mais tendo dificuldades para se destacar. Táticas automatizadas ou que exigem muito pouco esforço cada vez mais oferecem menos resultados – o que é ruim, mas também seria bom, pois permitiria uma melhor competição entre os websites que oferecem conteúdo de qualidade…

Veja bem: seria bom, se não fosse o fato de que na verdade quem mais se destaca na Internet, segundo minhas breves análises, são os websites de grandes corporações. Por exemplo, se você possui um website muito bom sobre “alimentação saudável” e decidir verificar sua competição para essa exata palavra-chave, perceberá que maior parte de seus competidores são grandes websites como Wikipédia, Globo.com, Terra, etc. Isto é, websites que não falam somente sobre alimentação, websites que falam sobre diversos temas, porém que, para palavras-chave muito competitivas, estão se posicionando muito bem.

Quais fatores influenciam? Nada está bem claro. Mas aqui estão minhas dicas:

  • Continue atualizando seu website com conteúdo relevante e relacionado com seu nicho;
  • Foque em poucos websites em vez de muitos (eu mesmo já estou cuidando de acabar com mais um dos meus websites que não faturam nada), assim você poderá dedicar-se realmente à produção de conteúdo de qualidade;
  • Trabalhe bem o internal linking, isto é, a estrutura de links internos. Quem usa WordPress como plataforma, por exemplo, pode-se utilizar do plugin SEO Smart Links, que é gratuito (e é o que eu uso atualmente), mas segundo alguns o YOAST SEO plugin é ainda melhor, mas ainda não o uso, já que uso outros que fazem, cada qual, uma parte do que ele faz;
  • Melhore seu perfil nas redes sociais e em outros canais de comunicação. Cative mais visitantes/clientes, interaja mais com eles. Não dependa somente de motores de busca (eu estou apanhando nisso, pois para quem já teve 73.000 visitas mensais em um blog, ter agora menos de 30.000 visitas para o mesmo “está osso!”);
  • Busque novas estratégias para fidelizar seus leitores. Aqui, por exemplo, estou agora a oferecer um e-book com nossos artigos do curso Manual do Investidor, agora em um formato que pode ser facilmente impresso e usado como referência. O que desejo em troca? O e-mail da pessoa, a fim de tentar fidelizá-la como minha leitora, claro, mas para que isso funcione precisarei garantir ainda mais a qualidade do conteúdo aqui publicado, caso contrário perco a chance de ter um novo leitor fiel!

Bem, por agora é isso. Espero que tenham gostado desse resumo – muito mais prático para quem “não tem tempo a perder”, não é? E você, amigo leitor, o que achou desta nova ideia?

Quer baixar nosso e-book Manual do Investidor?

Quer receber nossos artigos em seu e-mail e "de quebra" baixar nossos e-books "Manual do Investidor" e "Como Ficar Rico - dicas, dúvidas e comentários"?

E-mail:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *