Faça o seu patrimônio líquido crescer!

Você está certo de que está fazendo o seu patrimônio líquido crescer? Você nem sabe o que é isso? Então, como sabe se você esta a ficar rico ou não???

Quando estava relendo o livro Os Segredos da Mente Milionária de T. Harv Eker (sim, esta é a minha segunda leitura desta obra, e prometo que em breve escreverei uma nova análise crítica sobre a mesma!), procurei atentar-me mais a tudo aquilo que eu não estava praticando ou que eu praticava inconscientemente, sem saber explicar por quê. Eis que uma das coisas que eu já praticava sem saber exatamente por que é atribuir mais importância ao patrimônio líquido do que ao rendimento mensal.

Aos que não sabem, patrimônio é tudo aquilo que você tem e que pode vender ou usar caso necessite de dinheiro. Desta forma, o seu carro, casa, empresa, imóveis, investimentos e dinheiro em contas bancárias constituem seu patrimônio (junto com várias outros bens, claro).

Como dissemos, o patrimônio é importante porque diz o quanto a pessoa possui a fim de utilizar caso necessite. Entretanto, isso não leva em consideração as dívidas que a pessoa possui. Desta forma, a fim de saber quanto realmente a pessoa teria, após cumprir todos os seus compromissos financeiros, basta que subtraiamos os valores das dívidas dos valores de seu patrimônio. O valor obtido é o que chamamos de patrimônio líquido.

O patrimônio líquido é muito mais importante do que o patrimônio total para fins financeiros, pois de que adianta aumentar o patrimônio em R$ 500.000,00 se para isso foi necessário contrair uma dífica de R$ 1.000.000,00?

Para aqueles que querem ficar ricos, observar e acompanhar o patrimônio líquido é muito mais importante do que observar e acompanhar somente o rendimento mensal, pois de que adianta ganhar muito dinheiro se seu patrimônio líquido não cresce? Se seu patrimônio líquido não cresce, significa que você está gastando tudo o que ganha, logo não está construindo um futuro financeiramente independente.

Por outro lado, não basta somente acompanhar os valores do patrimônio líquido, devemos atuar de forma a fazê-lo crescer, desta forma, estaremos galgando cada degrau rumo ao sucesso!

E aqui vai mais uma super dica que Harv nos passa, quando aponta os quatro principais fatores que influenciam o crescimento do patrimônio: rendimentos, poupança, investimentos e simplificação.

Rendimentos

Por rendimentos, entenda todo o dinheiro que você obtém mensalmente de suas atividades laborais. Pode ser o seu salário, por exemplo, aquela comissão que você recebeu ou até mesmo alguma gratificação.

O primeiro fator que importa para o crescimento do patrimônio líquido são justamente os rendimentos, pois se você não ganhar dinheiro, não poderá formar patrimônio.

Sendo assim, o primeiro passo a ser feito é aumentar os seus rendimentos, procurando boas oportunidades remuneradas, novas formas de renda extra, etc.

Poupança

Após ganhar o dinheiro, nada teremos feito se todo o mesmo for gasto. De que adianta ganhar R$ 1000,00 se gastarmos os mesmos R$ 1000,00 todo mês?

Sendo assim, aqui começa a importância de reduzir os gastos e poupar o “dinheiro que sobrou”. Poderíamos poupá-lo guardando na latinha de biscoitos, mas esta é uma péssima ideia, pois com o tempo há inflação e a latinha de biscoitos não vai ajudá-lo a ter um reajuste no valor, entretanto o banco pode ajudá-lo.

Sendo assim, poupe seu dinheiro (o quanto que você precisa poupar, depende de qual a sua urgência para alcançar a independência financeira, bem como de suas atuais condições) e aplique-o em uma caderneta de poupança, certificado de depósito bancário ou outra aplicação de renda fixa.

Quanto mais dinheiro você poupar, maior será a sua reserva para o futuro.

Investimentos

Se você já está aplicando os dois primeiros fatores, já deve ter percebido que somente poupar pode não ser o suficiente para conseguir ganhos consideráveis. É preciso fazer mais, é preciso por o seu dinheiro para realmente trabalhar para você, é preciso investir o seu dinheiro!

Se você no item anterior comparou várias opções de renda fixa antes de escolher a melhor, você já está começando a tomar atitudes de investidor, e isso é bom! Lembre-se que, para conseguir maiores ganhos em suas aplicações, algumas coisas devem acontecer:

  • O tempo que o dinheiro permanece aplicado deve ser maior;
  • A quantidade de dinheiro aplicada deve ser maior;
  • Os juros a serem executados sobre o dinheiro devem ser maiores.

Quanto mais você conseguir aplicar os dois primeiros, isto é, investir maiores quantias com longos prazos para resgate, bem como em aplicações com juros melhores (o que geralmente se consegue a partir dos dois primeiros itens), mais você deverá esperar um melhor retorno financeiro no futuro.

Entretanto, lembre-se de respeitar o seu perfil de investidor, caso contrário, você poderá ter dores de cabeça com investimentos que vão contra aquilo que você acha que deveria ser natural.

Simplificação

E aqui está o quarto e último, mas não menos importante, ingrediente para aumentar seu patrimônio líquido.

Por simplificação, entenda que você deve viver um estilo de vida mais simples do que aquele que seus rendimentos lhe proporcionam, por dois principais motivos. O primeiro é devido à economia e poupança que conseguirão fazer. O segundo motivo é porque quanto mais simples for seu estilo de vida, mais facilmente será para atingir uma reserva financeira capaz de manter tal padrão de vida (ou até mesmo melhor).

Para muitas pessoas, isso pode parecer o disparate, acostumadas ao fato de que se ganham algum aumento, o padrão de vida deveria aumentar logo em sequência. Entretanto, tal atitude ajuda somente a destruir as reservas financeiras da pessoa, dificultando ainda mais o sucesso financeiro da mesma.

_______________________________________________________

Agora que você já sabe da importância do patrimônio líquido, bem como os quatro fatores fundamentais para o sucesso no crescimento do patrimônio líquido, deveria praticar o exercício de analisar, acompanhar e tecer relatórios sobre o seu patrimônio líquido a cada noventa dias (3 meses).

Quer receber nossos artigos em seu e-mail e "de quebra" baixar nossos e-books "Manual do Investidor" e "Como Ficar Rico - dicas, dúvidas e comentários"?

E-mail:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *