Definindo o produto ou serviço do seu negócio

Definindo o produto ou serviço do seu negócio

Muitas vezes você pode ter pensado em abrir seu próprio negócio, mas não soube por onde começar e acabou desistindo. Talvez você até mesmo possa ter começado algo que acabou fracassando porque não soube administrar da maneira correta. Neste módulo do curso vamos ajudá-lo a definir o produto ou serviço do seu negócio a fim de que sua empresa seja um sucesso.

Escolher em que tipo de negócio irá investir e dedicar seus capitais e tempo não é algo tão simples como parece. Não basta gostar de fazer alguma coisa e decidir que irá abrir uma empresa que será sobre isso.Esta decisão envolve muito planejamento.

Para definir o produto ou serviço de seu negócio é preciso analisar, trabalhar e calcular se sua ideia será uma oportunidade de negócio ou se não é muito viável investir nela. Nem sempre o que considerar ser uma boa ideia será uma ideia boa para o mercado por isso é preciso ser realista e atento ao fazer sua escolha. Para não cometer erros diante desta decisão tão importante para o inicio do seu próprio negocio, você deve responder as seguintes perguntas:

Qual é o seu objetivo?
Para começar um novo negócio é preciso ter em mente onde você pretende chegar. Traçar seus objetivos é muito importante para tomar todas as decisões pertinentes a empresa que irá abrir, pois todas as suas escolhas devem girar em torno do mesmo objetivo, fazendo com que você não perca o foco.

Lógico que objetivos podem ser melhorados ou até mesmo modificados com o passar do tempo, então não precisa desesperar-se.Pense apenas no momento atual: qual é o seu objetivo em abrir um negócio próprio neste momento?

  • Seu objetivo é criar um pequeno, um médio ou um grande negócio? Isso irá interferir no tipo de serviço que vai oferecer e posteriormente no capital que terá que investir na empresa;
  • Seu objetivo é criar uma empresa sozinho ou busca sócios para formar uma parceria? Se houver a necessidade de sócios, precisa dividir suas ideias com eles a fim de entrarem em um mesmo consenso sobre o ramo que irão atuar;
  • Seu objetivo é tornar esse negócio fonte de renda principal ou apenas ter uma renda secundária?O investimento em tempo e capital difere diante de cada situação;
  • Seu objetivo é investir quanto para ganhar quanto em quanto tempo? A importância dos números é fundamental para o planejamento das ideias e sua análise financeira posterior.

Quais são suas ideias?
Depois de saber quais são seus objetivos você precisa listar suas ideias de negócios de forma com que possa alcançá-los. Nesta parte você deve estar atento para não seguir ideias que possam divergir com os seus objetivos. Por exemplo, se seu objetivo é criar uma empresa com pouco capital inicial, deve procurar ideias de negócios que não necessitem de matérias-primas muito caras.

Um dos fatores mais importantes na hora de ter ideias para o seu futuro negócio é gostar do que irá fazer. Não adianta escolher abrir uma empresa sobre algo que não goste, pois as chances de fracassar serão imensas. Isso porque quando fazemos algo que gostamos somos muito mais motivados a persistir quando surgem problemas e muito mais disciplinados para investir nosso tempo. Não adianta pensar em investir em algo só porque parece ser o que mais dá dinheiro no momento. Acredite: existem muitas pessoas com maior afinidade para este grande negócio e isto fará com que fiquem a sua frente caso não seja o que você gosta de fazer.

Suas ideias não precisam ser de outro mundo. Você não precisa abrir algo que ninguém nunca tenha aberto – lógico que se houver uma grande ideia dessas e estiver de acordo com seus objetivos, vá em frente.Ao invés disso liste coisas que gosta de fazer e verá que dentro de cada uma dessas coisas você terá espaço para diversas ideias de novos negócios.

Procure inovações possíveis dentro de cada ideia que você listou. Nesta parte do planejamento o que não precisa economizar é criatividade. Procure colocar algum diferencial dentro de sua ideia, algo que as outras empresas do ramo ainda não possuam ou que poucas tenham. Desta forma seu negócio ganha destaque diante dos seus futuros consumidores por ser alguma coisa diferente.

Suas ideias são oportunidades de negócio?

Após listar todas suas ideias de acordo com seus objetivos, é preciso avaliar se elas são boas oportunidades de negócios ou serão apenas boas ideias que ninguém vai querer comprar.Para isso você deve analisar se:

  • Existem pessoas dispostas a adquirir este produto ou serviço?
  • Tenho o tempo e o capital suficiente para investir nesta ideia?
  • Eu apenas gosto de fazer isso ou eu também sei fazer isto?

Pronto! Respondidas todas essas perguntas já conseguirá saber qual o melhor produto ou serviço para abrir o seu negócio. O próximo passo é analisar a viabilidade dele levando em conta vários fatores fazendo um Plano de Negócios. Falaremos sobre isso em nosso próximo artigo do curso Como abrir seu próprio negócio. Fique ligado!

[Este artigo faz parte de uma série de artigos que compõe o minicurso Como abrir seu próprio negócio]

Quer baixar nosso e-book Manual do Investidor?

Quer receber nossos artigos em seu e-mail e "de quebra" baixar nossos e-books "Manual do Investidor" e "Como Ficar Rico - dicas, dúvidas e comentários"?

E-mail:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *