Caderneta de Poupança

Caderneta de Poupança

A caderneta de poupança é o tema de nosso sexto passo no curso Manual do Investidor e, do jeito que estamos indo, este será realmente um excelente curso online! Desta vez, vamos falar somente da caderneta de poupança, por se tratar da primeira e mais simples forma de economizar e ganhar algum dinheiro que qualquer um pode empregar hoje. 🙂

O que é a Caderneta de Poupança?

A caderneta de poupança é o tipo de investimento de mais baixo risco (tão baixo que, muitas vezes não é considerada realmente um ato de investir, mas de somente poupar, como um sinônimo de economizar) que há, e por tal razão, é também o investimento de menor potencial de rentabilidade.

Devido à simplicidade, baixo risco e quantidade relativamente pequena de capital necessária para iniciar uma caderneta de poupança, esta acabou se tornando o tipo de investimento mais popular no Brasil.

A caderneta de poupança é garantida pelo governo (através do Fundo Garantidor de Crédito) e é regulada pelo Banco Central.

Como é calculada a remuneração de uma Caderneta de Poupança?

Se você mantiver uma poupança, perceberá que sua remuneração é mensal, isto é, uma vez que você tenha feito um depósito no dia 13 deste mês, ela somente renderá algo no exato dia 13 do mês seguinte (essa data é conhecida como aniversário da conta).

Isso logo atrai duas dúvidas. A primeira é: o que acontece se eu deposito R$ 1000,00 no dia 13 e outros R$ 500,00 no dia 16? Bem, o que acontecerá é que aqueles R$ 1000,00 renderão algum valor no dia 13 do mês seguinte e os R$ 500,00 renderão somente no dia 16, como se fossem contas diferentes em uma mesma poupança. Basta conferir o extrato de sua poupança e você perceberá isso. 🙂

A segunda dúvida é: o que acontece com as poupanças que fazem aniversário nos dias 29, 30 ou 31, uma vez que nem todos os meses possuem tal dia? Geralmente, a data de aniversário delas será o dia 1 do mês seguinte, justamente para fugir desse problema.

Bem, já entendemos o que é o aniversário de uma conta e como funciona, só falta agora entendermos como é feito o cálculo da remuneração.

A remuneração de uma poupança se dá de acordo com a taxa básica de juros, a Selic, e a TR:

  • Se a Selic for igual ou menor que 8,5% – rendimento será 70% da Selic + TR (Taxa Referencial);
  • Se a Selic for maior que 8,5% – rendimento será de acordo com a antiga regra, isto é, percentual de 0,5% + TR (Taxa Referencial).

Vale lembrar que a TR é calculada a partir de títulos que rendem de acordo com a Selic, isto é, seu valor também estará atrelado ao valor da Selic, de tal forma que quando a taxa Selic encontrar-se abaixo de 8,2% o valor da TR será automaticamente “zerado” e, nesses casos, a caderneta de poupança renderá somente 70% da Selic.

Características de uma Caderneta de Poupança

  • É um rendimento de baixo risco e de baixa rentabilidade;
  • Apresenta alta liquidez, isto é, você pode resgatar parte ou todo o valor a qualquer momento;
  • A remuneração se dá de acordo com o aniversário de cada valor depositado em poupança.

Vantagens da Caderneta de Poupança

  • Excelente como fundo de reserva, uma vez que garante alguma atualização sobre o valor poupado;
  • Em períodos de baixa inflação, pode ser um investimento seguro e com alguma boa rentabilidade;
  • Se você já tiver uma conta-corrente em algum banco, pode abrir uma poupança com capital inicial muito baixo;
  • Possui alta liquidez, onde você pode resgatar o valor automaticamente a qualquer hora;
  • Não incide imposto de renda (se pessoa física, no caso de pessoa jurídica, o imposto é de 22,5%), então é menos dor de cabeça na hora de declarar o seu 🙂 .

Desvantagens da Caderneta de Poupança

  • Devido à sua baixa rentabilidade e às taxas de inflação, ela pode não se apresentar rentável como um investimento;
  • Apesar da alta liquidez, como o rendimento só ocorre no aniversário da poupança, resgatar fora desses dias não é uma boa idéia, pois o capital resgatado teria sido retido mas não rendido durante aquele tempo.

Quem deveria optar pela Caderneta de Poupança?

  • Estudantes que possuem algum tipo de estágio ou que exercem algum tipo de atividade remunerada esporadicamente. A poupança é um excelente meio de manter alguma reserva de capital para utilizar em possíveis eventos, como ida a congressos, participação em cursos ou aquisição de livros. Se este é o seu caso, busque poupar um valor mínimo de R$ 50,00 ou 20% do que ganha mensalmente;
  • Se você é um trabalhador assalariado mas não ganha o suficiente para outras opções de investimento. Se você puder efetuar o depósito mínimo em poupança de R$ 50,00 mensalmente, já estará dando um importante passo para melhorar a sua saúde financeira!
  • Se você ainda não possui nenhum dos três perfis e está caindo de pára-quedas nesta agora, a poupança também é a melhor opção para você começar (não se preocupe que, em breve, apresentaremos muitas outras opções).

Últimas considerações sobre a Caderneta de Poupança

  • A poupança não é completamente livre de riscos: caso o banco onde você a mantenha entre em falência, quem irá restituir-lhe o seu valor será o Fundo Garantidor de Crédito, com um limite de R$ 70.000,00. Em outras palavras, se você tiver mais de R$ 70.000,00 em poupança e o banco “quebrar”, você receberá “somente” R$ 70.000,00, tendo que tentar na Justiça conseguir o restante. Uma observação: a Caixa garante (ao menos é isso que o seu site diz) o seu dinheiro 100%, isto é, eles comprometem-se a pagar-lhe integralmente;
  • Tente fazer os depósitos sempre no dia do aniversário – é menos dor de cabeça na hora de verificar como está indo a rentabilidade da poupança;
  • Quanto aos resgates, tente fazer sempre no dia do aniversário também;
  • Você pode encontrar os índices diários e mensais da poupança no seguinte link: índices diários da poupança;
  • O nome “caderneta de poupança” advém do fato de que antigamente (desde a “época de D. Pedro II” até poucos anos atrás) os valores depositados e retirados da poupança eram realmente anotados em uma caderneta (bem, isso é só uma curiosidade 🙂 ).

Exercícios

Bem, agora que você já conhece como funciona a caderneta de poupança, está na hora de abrir a sua, não acha?

Como falamos anteriormente, ela não será de alto rendimento, mas você não terá perdas, então abrir uma caderneta de poupança e estudá-la durante três ou quatro meses é uma boa ideia para fixarmos o que aprendemos aqui.

Ah, fixamos aqui o prazo de três ou quatro meses porque até o período da CPMF, se você tentasse resgatar o valor depositado antes de 90 dias, deveria pagar CPMF. Como essas leis são feitas e desfeitas o tempo todo, o bom é nos habituarmos a um modelo mais seguro de poupar e resgatar, onde o prazo de 3 a 4 meses é suficiente, inclusive para o aprendizado.

Abra uma poupança (no seu banco ou em outro, não importa), faça ao menos um depósito mensalmente e analise o quanto está conseguindo de rentabilidade. Faça projeções: quanto você teria em um ano, se continuar a depositar desta forma?

Depois, pense e responda: qual o melhor momento para depositar na poupança, assim que recebe o salário, no meio do mês ou antes de receber o novo pagamento, depositando assim o que sobrou? Esta pergunta não possui resposta certa ou errada, mas sim, o que é mais adequado para o seu caso!

E este é mais um passo em direção a saber como fazer bons investimentos.

Espero que todos pratiquem este exercício – e boa sorte com sua caderneta de poupança!

[Este artigo faz parte de uma série de artigos que compõe o minicurso Manual do Investidor]

Quer baixar nosso e-book Manual do Investidor?

Quer receber nossos artigos em seu e-mail e "de quebra" baixar nossos e-books "Manual do Investidor" e "Como Ficar Rico - dicas, dúvidas e comentários"?

E-mail:

13 comentários

  1. Basia Cruz says:

    Muito obrigada , souestudante e essa materia sobre poupanças é de ótima ajuda!

  2. admin says:

    Olá, Basia, tudo bem? Ficamos felizes que esta matéria sobre poupança lhe seja de grande valia. Como deve saber, agora haverá cobrança de contribuição (imposto de renda) também sobre a poupança. Não se preocupe que escreveremos um artigo sobre isso a fim de elucidar quaisquer dúvidas que haja, ok?

    Um abraço e visite-nos sempre!

  3. Marcelo Cassini says:

    Olá tudo isso já sabia, os politicos não tem jeito eles dão aumento de sálario para eles quando querem, e os pobres só pagando taxas e impostos, quando isso mudara ? acho que nunca, pobre cada vez mais pobre……

  4. admin says:

    Olá Marcelo, tudo bem?

    Quanto ao que os políticos fazem em relação ao próprio salário, também sinto-me indignado. Um país onde as leis são alteradas a bel prazer de alguns não é governado por uma democracia, mas sim uma oligarquia, da mesma forma que na época da cultura cafeeira.

    Agora, quanto a “pobre cada vez mais pobre”, nós não podemos pensar assim, caso contrário, é o mesmo que dizer que por eu nascer pobre não posso esperar ter uma vida melhor amanhã. Prefira pensar que cada qual precisa lutar por aquilo que deseja e merece. É o que eu faço, é o que espero que você faça também! 😉

  5. Dory says:

    A transferência de dinheiro de uma conta corrente para poupança gera uma data de aniversário ou somente se for depósito no caixa?

  6. admin says:

    Olá Dory, tudo bem?

    Quando você transfere dinheiro de conta corrente para poupança, gera uma data de aniversário para somente aquela quantia que você acabou de depositar/transferir. Isto é, se você tinha R$ 100,00 lá com data de aniversário 3 e transferiu outros R$ 100,00 no dia 8, então os primeiros R$ 100,00 vão fazer aniversário (e portanto render) no dia 3 enquanto que os outros R$ 100,00 farão aniversário no dia 8, ok?

  7. Daniel says:

    Primeiramente quero parabenizar esse site por explicar de uma maneira tão esclarecedora e simples assuntos financeiros tão importantes para a sociedade mas que dificilmente são compreendidos por nós, pessoas não familiarizadas com os termos específicos. Bom, gostaria de tirar uma dúvida referente ao aniversário de conta da cardeneta de poupança. Vejamos o seguinte exemplo: Faço um depósito na minha poupança de R$1.000,00 no dia 20/05, e no dia 30/05 faço um segundo depósito no valor de R$300,00. Pelo o que aprendi aqui, o rendimento acontece como se fossem duas contas diferentes, no dia 20/06 será contabilizado o rendimento do primeiro depósito no valor de R$1.000,00 e no dia 30/06 o rendimento do depósito de R$300,00. Agora digamos que no mês de junho eu não faça depósito algum, então em julho eu terei um rendimento sobre cada um dos depósitos separadamente ou meu rendimento será sob o valor total (R$1.300,00 + rendimentos dos meses anteriores)? Se for sob o total, que dia será o rendimento? Dia 20/07 ou 30/07? Resumindo, fiquei na dúvida se os rendimentos da cardeneta de poupança é sob cada depósito efetuado ou sob o valor total do montante já depositado? Por que digamos que eu coloque R$50,00 todos os meses na minha poupança, no final de um ano, o valor total das parcelas sem os juros dará R$600,00 certo? Então os juros continuam sendo contabilizados sob cada parcela de R$50,00 que eu depositar ou tenho rendimentos sob os R$600,00. Não sei se consegui ser claro. Esperam que tenha entendido a minha dúvida. Aguardo respostas. Obrigado!

  8. Lorrane Bastos Pereira says:

    Como faço para abrir uma conta poupança confiável?

  9. Ivana says:

    Para um valor de R$ 59.000,00 que altualmente estão em caderneta de poupança, oriundos de fgts após 11 anos de serviços, gostaria de ter indicação sobre alguns tipos de investimentos, tipo: Letras de câmbio ou títulos do governo ou um vgbl (previdencia privada), ou ainda cdb’s… enfim talvez até mesclar estes valores nestes tipos de investimento. Grata,Ivana

  10. Maurício says:

    Olá boa noite…
    Eu tenho uma dúvida.
    Eu depositando R$100,00 Todo mês durante 5 Anos sem retirar nada ou coisa do tipo… No final das contas eu devo ficar em média com quanto?
    A poupança Ouro Poupex representa UMA CADERNETA DE POUPANÇA?

    Obrigado pela atenção espero que possa me responder em Breve! Fica agradecido pela atenção! Boa Noite!

  11. jhaymes santana ferreira says:

    poh o que que acontece primeiramente boa tarde

    poh eu tenho uma caderneta de poupança na poupex que o meu pai deixou pra mim a 14 anos atras poh eu tenho 17 anos vou fazer 18 esse ano , só que eu quero pegar esse dinheiro que meu pai deixou , ele era do exercito como faço pra pegar por favor ver isso pra mim me manda essa resposta para meu orkut o e-mail é o mesmo do orkut valeu fui brigadão

  12. Suzy P. says:

    Boa noite Christiano
    Quando possível, gostaria muito que falasse sobre a aplicação no CDB Pós fixado. Ouvi dizer que além do desconto do imposto de renda no momento dos resgates, independentemente do resgate ou não, duas vezes por ano, se não me engano, em maio e novembro também é descontado um valor “x” do rendimento do investidor. Até que ponto é verdade? Aguardo retorno. Suzy P. 15/03/2011

  13. thales says:

    Muito obrigado, excelente artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *