Análise do planejamento de recursos humanos e operacionais – prática

Em seu último artigo, Jeniffer falou sobre como fazer uma boa análise do planejamento de recursos humanos e operacionais. Bem, agora é a minha vez de ajudar a reforçar o que foi estudado, apontando como pode ser feito na prática. 🙂

Esta penúltima parte de nosso curso é muito importante, pois ao planejar os recursos humanos e operacionais necessários, você poderá estimar mais tarde quanto irá gastar, bem como a sua capacidade de produção.

Planejando um site informativo

Veja bem, suponha que você deciciu criar um grande site informativo e pretende publicar diariamente oito artigos ou mais (algo bastante similar  um jornal online), distribuídos em diversos temas. E agora, como fazer para conseguir isso?

Para este exemplo, há várias opções, como:

  • Escrever tudo você mesmo – a maior vantagem aqui é o fato de não precisar pagar ninguém! Por outro lado, surgem desvantagens, como isso poderá consumir todo o seu tempo e poderá ter uma baixa credibilidade em certos assuntos que não sejam de seu domínio;
  • Contratar um escritor full time – pode ser uma boa oportunidade! Você delega a tarefa de elaboração de artigos para uma pessoa que será encarregada de fazer somente isso (dependendo da experiência do escritor, elaborar oito artigos pode tomar até mesmo mais do que as oito horas diárias de trabalho a que estamos acostumados!). Entretanto, pode ainda ter uma fraca credibilidade em certos assuntos que não sejam do domínio dele, ser bastante custoso no início de sua empreitada (um website informativo pode tomar bastante tempo para atingir o ponto de equilíbrio nas finanças) e é muito difícil encontrar alguém hábil suficiente para assumir tal tarefa em tempo integral e a um custo interessante!
  • Contratar vários escritores freelancers – aqui, podemos ter outra boa oportunidade! Neste passo, você também delega a tarefa a outras pessoas e agora pode incumbir cada uma de acordo com um assunto, de forma a criar uma reputação, uma credibilidade em seu website. O processo de gerenciamento das atividades de várias pessoas, principalmente como freelancers, pode não ser o mais fácil e você terá que lidar com isso rotineiramente.

Cada opção, como se pode perceber, possui suas vantagens e desvantagens, e é bom que você já pense nisso tudo antes de começar o seu negócio – na verdade, agora, na fase de análise de viabilidade! Além disso, até agora só pensamos quanto à produção de conteúdo para o nosso website, mas várias coisas foram ignoradas:

  • Gerenciamento – Como serão feitos os planejamentos a fim de tomar decisões gerenciais?
  • Comunicação – Quais as atividades responsáveis por trazer novos leitores?
  • Rentabilização – Como será possível ganhar dinheiro por meio de tal negócio?
  • Aperfeiçoamento – Como garantir que as melhores medidas estão sendo tomadas para o sucesso do negócio?

Passo #1 – Definição dos processos

A definição de processo segundo a Wikipédia é:

É conjunto sequencial e peculiar de ações que objetivam atingir uma meta.

Então, como você já deve imaginar, cada processo estará relacionado a um ou mais daqueles objetivos que citei na seção anterior (gerenciamento, comunicação, rentabilização, aperfeiçoamento, etc.), lembrando que aqueles são somente exemplos, podendo haver muitos outros objetivos (por exemplo, administração da logística, caso você esteja desenvolvendo uma loja virtual).

Então, o primeiro passo a executar é determinar quais os processos importantes para o seu negócio. No exemplo que estamos trabalhando, podemos ter os seguintes processos:

  • Gerenciamento;
  • Atualização do website;
  • Article marketing.

Poderíamos incluir vários outros processos, como aqueles que descrevem o pagamento de cada pessoa envolvida, mas para fins de simplificação, nos concentraremos somente nestes três.

Passo #2 – Definição das atividades

Como foi dito no item anterior, um processo é composto por ações, atividades, e é nosso dever, agora, “quebrar” cada processo em diversas atividades que descrevem como atingir o objetivo desejado.

No nosso exemplo, poderíamos descrever da seguinte forma:

  • Gerenciamento
    • Geração de relatórios estatísticos;
    • Análide de dados;
    • Emissão de relatórios operacionais;
  • Atualização do website
    • Elaboração de dois artigos sobre saúde;
    • Elaboração de dois artigos sobre negócios;
    • Elaboração de dois artigos sobre esportes;
    • Elaboração de dois artigos sobre entretenimento;
    • Revisão e publicação dos artigos;
  • Article marketing
    • Elaboração de artigos para article marketing;
    • Publicação em web 2.0 properties;
    • Submissão a diretórios de artigos.

Talvez os “relatórios operacionais” não tenham ficado completamente claros para todos, mas são muito simples: tratam-se somente da documentação descrevendo quais temas deveriam ser tratados no website e em que frequência de acordo com dados estatísticos como volume de busca na web e/ou dentro do website. Em outras palavras, estamos aqui mostrando como utilizar-se do gerenciamento para alimentar diretamente os processos de atualização do website e article marketing.

Além disso, vale lembrar que o processo não se resume a somente isso – mas já mostra bastante do que se pode fazer para quem está interessado nesse tipo de negócio, não? 😉

Passo #3 – Definição das ferramentas

Algo que eu adicionaria aqui, nesta etapa de nosso planejamento, é a definição das ferramentas que poderão ser empregadas. Há ferramentas gratuitas, bem como ferramentas pagas, que podem ser muito úteis em seu negócio e determinar quais serão utilizadas pode ajudá-lo a mais tarde identificar certas necessidades. Por exemplo, pode-se perceber que o gestor do negócio não sabe como lidar com as ferramentas selecionadas para a geração dos relatórios estatísticos, e agora, como proceder? Efetuar um treinamento? Selecionar outra ferramenta?

Em minha concepção, esta etapa poderia ser exemplificada da seguinte forma:

  • Gerenciamento
    • Geração de relatórios estatísticos
      • Ferramentas
        • Google Analytics;
        • Google Webmaster Tools;
        • Google Adwords Keyword Tools e Micro Niche Finder;
    • Análide de dados
      • Não são necessárias ferramentas específicas
    • Emissão de relatórios operacionais
      • Ferramentas
        • Microsoft Word ou Google Docs;
  • Atualização do website
    • Elaboração de dois artigos sobre saúde
      • Ferramentas
        • Recursos da plataforma WordPress para elaboração de artigos;
    • Elaboração de dois artigos sobre negócios;
      • Ferramentas
        • Recursos da plataforma WordPress para elaboração de artigos;
    • Elaboração de dois artigos sobre esportes;
      • Ferramentas
        • Recursos da plataforma WordPress para elaboração de artigos;
    • Elaboração de dois artigos sobre entretenimento;
      • Ferramentas
        • Recursos da plataforma WordPress para elaboração de artigos;
    • Revisão e publicação dos artigos;
      • Ferramentas
        • Recursos da plataforma WordPress para revisão de artigos;
  • Article marketing
    • Elaboração de artigos para article marketing
      • Ferramentas
        • The Best Spinner;
    • Publicação em web 2.0 properties;
      • Não são necessárias ferramentas específicas
    • Submissão a diretórios de artigos
      • Não são necessárias ferramentas específicas.

Wow! Percebe como, aos poucos, está ficando tudo bem mais detalhado, claro e transparente?

Passo #4 – Definição dos recursos humanos

Nosso último passo para “fechar” o planejamento de recursos humanos e operacionais será determinar quem será responsável por cada uma daquelas atividades, preferivelmente já especificando quanto tempo será necessário para cada uma delas em uma taxa diária, semanal ou mensal.

Então, pensando um pouco sobre cada atividade, podemos terminar de preencher nosso documento e o mesmo ficar como no seguinte exemplo:

  • Gerenciamento
    • Geração de relatórios estatísticos
      • Ferramentas
        • Google Analytics;
        • Google Webmaster Tools;
        • Google Adwords Keyword Tools e Micro Niche Finder;
      • Recursos humanos
        • O gestor do negócio (2 horas mensais);
    • Análide de dados
      • Não são necessárias ferramentas específicas
      • Recursos humanos
        • O gestor do negócio (4 horas mensais);
    • Emissão de relatórios operacionais
      • Ferramentas
        • Microsoft Word ou Google Docs;
      • Recursos humanos
        • O gestor do negócio (6 horas mensais);
  • Atualização do website
    • Elaboração de dois artigos sobre saúde
      • Ferramentas
        • Recursos da plataforma WordPress para elaboração de artigos;
      • Recursos humanos
        • Escritor #1 (2 horas diárias);
    • Elaboração de dois artigos sobre negócios;
      • Ferramentas
        • Recursos da plataforma WordPress para elaboração de artigos;
      • Recursos humanos
        • Escritor #2 (2 horas diárias);
    • Elaboração de dois artigos sobre esportes;
      • Ferramentas
        • Recursos da plataforma WordPress para elaboração de artigos;
      • Recursos humanos
        • Escritor #3 (2 horas diárias);
    • Elaboração de dois artigos sobre entretenimento;
      • Ferramentas
        • Recursos da plataforma WordPress para elaboração de artigos;
      • Recursos humanos
        • Escritor #4 (2 horas diárias);
    • Revisão e publicação dos artigos;
      • Ferramentas
        • Recursos da plataforma WordPress para revisão de artigos;
      • Recursos humanos
        • O gestor do negócio (2 horas diárias);
  • Article marketing
    • Elaboração de artigos para article marketing
    • Publicação em web 2.0 properties;
      • Não são necessárias ferramentas específicas;
      • Recursos humanos
        • Assistente (1 hora diária);
    • Submissão a diretórios de artigos
      • Não são necessárias ferramentas específicas;
      • Recursos humanos
        • Assistente (1 hora diária).

Ufa! Viu só como está tudo bem detalhado? Agora, fica bem mais fácil determinar quantas pessoas precisaremos, que tipo de treinamento precisaremos oferecer para cada uma baseado nas ferramentas que precisará utilizar (é por isso que eu disse ser importante já selecionar aqui as ferramentas que serão empregadas!) e quanto tempo precisaremos dispor de cada profissional – podemos perceber, por exemplo, que com um bom assistente part-time e com quatro escritores freelancers podemos executar este nosso negócio. 🙂

Uma observação que farei agora é quanto a ferramentas: nem todas as ferramentas que utilizo foram publicadas ali: utilizo, por exemplo, ferramentas para auxílio na geração de conteúdo para article marketing bem como uma ferramenta para submissão de artigos para diretórios de artigos, mas ainda não falei sobre elas aqui. Prometo que falarei sobre elas em nosso blog assim que for possível!

Como se pode perceber, pode ser uma tarefa um pouco árdua, mas quando bem feita pode tornar-se uma ferramenta para a próxima parte, a análise financeira, bem como para a implementação de seu negócio!

[Este artigo faz parte de uma série que compõe o curso Análise da viabilidade de um negócio online]

Quer receber nossos artigos em seu e-mail e "de quebra" baixar nossos e-books "Manual do Investidor" e "Como Ficar Rico - dicas, dúvidas e comentários"?

E-mail:

One comment

  1. admin says:

    Consegui terminar este artigo! São 00:41, segunda-feira, primeiro dia logo após a Páscoa! Isso mesmo, escrevendo artigos na noite da Páscoa!

    Bem, agora está prontinho e publicado e espero que todos vocês gostem deste artigo, pois nele detalhei bastante sobre um tipo de negócio que pode servir de base para vários outros (consultores, sites de educação à distância e até mesmo para lojas virtuais!).

    Um abraço a todos e até breve!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *